Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

æmetta

o vazio impulsado nas veias
ritmicamente gradativo
sorri corrosões e ausencias
dobrando exclamações titânicas
e a bíblia visivel à mesa
deixando a inveja entre dentes
a mão tremenda de medo
os olhos brilhando em loucura
debaixo de um sol enfermo.